Baba Ghanoush (pasta de berinjela)

Já vi escrito de várias formas: babaganuche, baba ganoush, babaghanoush… A ortografia correta não sei dizer, só posso afirmar que esta pasta árabe à base de berinjela e tahine é divina! Assim como existem várias versões de nomes, existem também várias versões de preparo. Eu gosto de assar a berinjela na chama do fogão e depois temperá-la com tahine, alho, limão e azeite e sal!
Em parceria com a Mr. Veggy, mostramos o passo a passo desta deliciosa pastinha, e do hommus também! (Veja a receita do homus aqui) Ambas receitas são perfeitas para servir com pão, torrada, lanche, salada e também com quibe assado! Temos diversas receitas de quibe no blog (veja aqui), mas caso quiser uma opção mais prática, pois basta apenas assar, eles têm este quibe de abóbora, que acabou de ser lançado. O quibe é bem temperadinho e combinou bastante com as pastinhas. ♥ Vamos à receita?

Ingredientes

1 berinjela de tamanho médio (cerca de 400g)
2 colheres (de sopa) de tahine
1 dente de alho grande sem o miolo
2 colheres (de sopa) de suco de limão
2 colheres (de sopa) de azeite
Sal a gosto
Pimenta do reino (ou árabe) a gosto
Cominho a gosto

  • Preço médio: R$ 4,00

  • Serve em média 4 pessoas

  • Tempo de preparo: 20 minutos

  • Não contém glúten

  • Vegan

Modo de preparo

Antes de tudo, asse a berinjela. Tem duas maneiras de prepará-la: na chama do fogão e no forno.

  • Na chama do fogão (eu acho que desta forma fica bem mais saborosa): Coloque a berinjela lavada sobre a grade, logo em cima da boca. Deixe assar em fogo médio até ela ficar bem preta e queimada, com a casca saindo com facilidade (veja o vídeo). Vire-a com auxílio de um pegador ou garfos a cada dois minutos. Este processo levou cerca de 12 minutos. Este modo de preparo deixa um leve gosto defumado na berinjela, e eu gosto. Coloque a berinjela sobre um prato e deixe descansar por cerca de 20 minutos, para não queimar as mãos. Retire toda a casca da berinjela e “tampinha” e pique-a grosseiramente.
  • No forno: Corte a berinjela no meio, e deixe de molho em 500ml de água e com uma colher de sopa de vinagre, para tirar um pouco do amargo. Faça alguns riscos, na superfície, formando losangos, regue com azeite e leve para assar em uma assadeira antiaderente em forno médio (210ºC) por cerca de 30 minutos ou até ela ficar macia e cozida. Retire toda a polpa com o auxílio de uma colher. Se gostar, pode usar as cascas também no preparo da receita.

Coloque a berinjela cozida em um liquidificador ou processador e adicione o tahine, azeite, limão, alho, tempere com sal, pimenta e cominho a gosto.

Dicas

  • Escolha uma berinjela bem lisa, sem furos na casca ou “tampinha”, desta forma você terá mais certeza de que não há bichinhos no interior.
  • Forre o fogão com papel alumínio para não sujar o fogão.
  • Se estiver difícil de bater, acrescente um pouquinho de água morna.
  • A leitora Bruna Gene sugeriu amassar a berinjela com um garfo, ao invés de bater, para preservar as fibras. Testei e amei! Caso você não tiver liquidificador ou quiser testar uma versão diferente, com uma textura mais firminha, vale a experiência (:
  • Esta pastinha dura cerca de 3 dias na geladeira; guarde em um potinho fechado.

Esta postagem é um publieditorial, mas tudo aqui foi criado com muito carinho 🙂

Vegetariana e amante de animais (sobretudo gatinhos). É designer de produtos, fotógrafa freelancer, e apaixonada por culinária desde pequena. Adora cozinhar, principalmente para os outros, testar ingredientes e receitas! Muitos dos pratos que conhece aprendeu pesquisando e principalmente testando.