Guioza Vegano

Os guiozas são como pasteizinhos, cozidos no vapor e têm origem chinesa (não japonesa como muitos acham). Esta é uma versão vegana da original que leva carne, onde usei a proteína de soja. Dá para fazer só com legumes, ou colocar cogumelos no lugar da soja.

Ingredientes

Massa:

3 xícara (de chá) de farinha de trigo
1/4 de colher (de chá) de sal – se não tiver a colher medidora, use meia colher de “café”
1 xícara (de chá) de água morna

Recheio:

1/2 cebola média picada
1 xícara (de chá) de proteína texturizada de soja média hidratada e escorrida
1 colher (de sopa) de vinagre branco ou suco de limão
2 colheres (de chá) de gengibre ralado
1/2 xícara (de chá) de pimentão verde picado
1 xícara (de chá) de cenoura ralada
2 xícaras (de chá) de repolho picado bem fininho
1/4 de xícara (de chá) de shoyu
2 colheres (de sopa) de óleo de gergelim torrado – pode usar menos se preferir
1/2 xícara (de chá) de água + 1 colher (de chá) de polvilho doce, ou amido de milho, misturados
1/2 xícara (de chá) de cebolinha picada
Sal a gosto

Óleo para refogar e fritar
Água para cozinhar os Guiozas

  • Preço médio: R$7,00

  • Serve até 4 pessoas (rende de 15 a 20 guiozas, em média, depende do tamanho da massa)

  • Tempo de preparo: cerca de 1 hora

  • Contém glúten

  • Vegan

Modo de preparo

Em uma vasilha, coloque a farinha, o sal e misture. Acrescente a água morna (cuidado para não ser muito quente, pois você terá que trabalhar a massa com as mãos) e misture até formar uma massa lisa e uniforme.
Faça um bola com a massa, coloque em uma vasilha, cubra com plástico e deixe descansando por pelo menos 30 minutos. Enquanto isso prepare o recheio.
Coloque um fio de óleo em uma panela, refogue em fogo médio a cebola picadinha até ficar dourada. Acrescente a proteína de soja hidratada e escorrida, tempere com sal a gosto, adicione o vinagre (ou o suco de limão) e refogue por cerca de 5 minutos ou até dourar.
Acrescente o gengibre ralado e o pimentão verde picado e refogue mais um pouco. Quando o pimentão estiver mais molinho, acrescente a cenoura ralada e o repolho picado e misture bem.
Adicione o shoyu, o óleo de gergelim torrado e a água com o polvilho doce misturados. Mexa tudo até distribuir bem o tempero.
Acrescente a cebolinha picada, misture, desligue o fogo e reserve.
Em uma mesa ou balcão limpo, polvilhe cerca de 1/4 de xícara de farinha de trigo, coloque a massa e abra com o rolo até ficar bem fina, com no máximo 2mm e espessura. É importante não demorar muito para trabalhar esta massa, pois ela pode ressecar.
Com o auxílio de uma caneca com a boca de 8 a 10cm, corte a massa.
Dê uma leve puxadinha nos círculos de massa para eles aumentarem um pouco de tamanho e ficarem mais fininhos (quanto mais fininho mais gostoso). Mas cuidado, por mais que a massa seja elástica ela pode rasgar.
Coloque cerca de uma colher de sopa de recheio na massa, feche em meia lua e aperte bem. Faça preguinhas para o guioza ficar mais bonito (ver vídeo).
Em uma panela grande e em fogo baixo, esquente uma colher de sopa de óleo, coloque os guiozas e deixe fritando. Quando eles estiverem douradinhos embaixo, acrescente 1/2 xícara de água e tampe para cozinharem.
Eles estarão prontos quando toda a água estiver evaporada. Se precisar, coloque mais água, caso ainda não estiverem cozidos. Espete um guioza com o garfo e veja se está macio. Se não estiver, adicione mais água, sempre aos poucos para não correr o risco de ficar mole demais.
Está pronto!

Dicas

  • Estes guiozas podem ser congelados logo depois de feitos, nem precisa fritar. Os que eu fiz duraram cerca de 3 semanas no congelador, não sei mais porque não testei mais que isso. (: Guarde em uma vasilha bem fechada, e para preparar os congelados é só fazer o processo igual aos guiozas crus. Esquente o fio de óleo, adicione os guiozas e cubra com água. Como eles vão estar congelados, precisará de mais água que o normal, aí vai vendo de tempos em tempos, quando secou e ainda não estão cozidos, acrescente mais um pouco. Sempre aos poucos!
  • Ahh, uma dica! Quanto mais fininha a massa, mais gostoso! Só tome cuidado para não ficar fina demais, pois pode rasgar.
  • Você pode usar shiitake e shimeji no lugar da proteína de soja. Adicione estes cogumelos antes de refogar a cenoura e o repolho.
Vegetariana e amante de animais (sobretudo gatinhos). É designer de produtos, fotógrafa freelancer, e apaixonada por culinária desde pequena. Adora cozinhar, principalmente para os outros, testar ingredientes e receitas! Muitos dos pratos que conhece aprendeu pesquisando e principalmente testando.