“Quibe” de Quinoa e Lentilha

O trigo usado para fazer quibe tem glúten, e já recebi várias mensagens de leitores que têm alergia a ele pedindo para testar uma versão de quibe com a quinoa no lugar do trigo. Esta versão com lentilha fica deliciosa e bem proteica!

Ingredientes

1 xícara (de chá) de lentilha crua
200g de batata doce (1 xícara de purê)
1/2 xícara (de chá) de quinoa em grãos
1 e 1/2 xícara (de chá) de água ou caldo de legumes caseiro (receita aqui)
4 dentes de alho grandes picados
1/2 cebola média picada
2 colheres (de sopa) de hortelã picada
1/2 xícara (de chá) de salsinha e cebolinha picadas
2 colheres (de sopa) de suco de limão
2 colheres (de sopa) de azeite
1/2 de colher (de chá) de cominho
Sal a gosto

  • Preço médio: R$6,50

  • Serve até 4 pessoas (A forma que usei tinha 16cmx25cm)

  • Tempo de preparo: 8 horas (molho lentilha) + 30 minutos (preparo) + 25 minutos (forno)

  • Não contém glúten

  • Vegan

Modo de preparo

Antes de tudo, coloque a lentilha crua de molho por 8 horas. Depois escorra, lave e reserve.
Cozinhe a batata doce. Eu cozinho elas em água fervente com a casca e só corto as pontinhas. Elas estarão no ponto quando uma faca atravessá-las com facilidade. Em seguida, escorra, retire a casca e amasse bem. Reserve.
Em uma panela, coloque a lentilha, adicione o caldo de legumes ou água, coloque a tampa semi fechada e deixar cozinhar.
Enquanto isso, coloque a quinoa em uma vasilha pequena, cubra com água quente e deixe de molho por 2 minutos. Escorra, lave bem e coloque na panela quando a água da lentilha estiver quase seca. Tampe e deixe cozinhar até a água secar completamente e a quinoa estiver transparente em volta. Caso necessário, acrescente mais um pouquinho de água. (Evite colocar muita água, pois o “quibe” pode ficar muito pastoso)
Desligue e adicione o alho picado, a cebola picada, tempere com sal a gosto e acrescente a hortelã picada, a salsinha e cebolinha picadas, o suco de limão, o azeite, o cominho e misture.
Em seguida, coloque a batata amassada e misture novamente.
Pré-aqueça o forno a 210ºC, unte uma assadeira antiaderente com um fio de óleo ou azeite, coloque a massa e aperte bem. A forma que usei tinha 16cmx25cm. Leve para assar por cerca de 25 minutos ou até as bordas estarem douradinhas.
Regue com um fio de azeite para servir. Está pronto!

Dicas

  • Eu geralmente sirvo o quibe assado só com salada. Faço uma salada bem colorida, com alface, cenoura, cebola, tomatinhos, às vezes coloco manga, e tempero bem. Você pode servir como acompanhamento de refeições também.
  • Ainda não tive a chance de testar com outros ingredientes, mas sei que dá certo com abóbora (veja esta receita aqui) e acho que dá certo também com berinjela (aqui).
  • Se você quiser, e não tiver alergia ao glúten, pode usar o trigo para quibe no lugar da quinoa. Neste caso indico 1/2 xícara de trigo, pois quando você hidratar ele vai duplicar.
  • Você pode modelar quibes e assar. Sugiro que faça quibes pequenos, com cerca de 1 colher de sopa, e coloque um pouquinho de amido de milho para garantir a liga. Asse em forma untada por uns 25 minutos e depois vire para assar do outro lado também.
  • Sobre fritar: tentei fritar uma vez, mas infelizmente não deu muito certo, mesmo com amido de milho. Os quibes abriram. Coloquei mais amido, mas ainda não ficou legal, então quando eu conseguir uma versão boa eu compartilho por aqui.
  • Você pode usar esta massa pra fazer hambúrguer, neste caso indico colocar um pouquinho de amido de milho/farinha de trigo (se não tiver alergia)/ farinha de arroz para melhorar a liga. Frite em frigideira antiaderente com um fiozinho de óleo até dourar bem, só aí vire do outro lado, e com cuidado. Evite mexer muito, para não desmanchar.
  • Depois de pronto, você pode guardar este quibe na geladeira por até uns 3 dias, em um potinho fechado, ou congelar ele ainda cru por até dois meses. Depois é só assar o quibe congelado em forno médio pré-aquecido até ficar com as bordas douradinhas.
  • Coloquei o nome “quibe” entre aspas, pois o tradicional é feito com trigo, e esta é uma versão sem ele.
Vegetariana e amante de animais (sobretudo gatinhos). É designer de produtos, fotógrafa freelancer, e apaixonada por culinária desde pequena. Adora cozinhar, principalmente para os outros, testar ingredientes e receitas! Muitos dos pratos que conhece aprendeu pesquisando e principalmente testando.